/Mais de 18 mil famílias maceioenses foram beneficiadas com o Auxílio Brasil em 2022

Mais de 18 mil famílias maceioenses foram beneficiadas com o Auxílio Brasil em 2022

O trabalho realizado pela Coordenação do Cadastro Único (CadÚnico)/Auxílio Brasil de Maceió é para que mais famílias tenham acesso aos programas sociais do governo federal e saiam da condição de vulnerabilidade. De janeiro a maio de 2022, mais 18.605 famílias maceioenses foram beneficiadas com o Programa Auxílio Brasil. No Município, 77.681 famílias recebem o benefício de no mínimo R$ 400,00.

Segundo o secretário de Assistência Social, Carlos Jorge, de forma proativa, a coordenação municipal do CadÚnico/Auxílio Brasil tem se dedicado a fazer novos cadastros e a atualizar os dados dos usuários nas unidades da Semas e em ações itinerantes nos bairros, empoderando as famílias para que conheçam seus direitos e oportunidades dentro dos programas sociais.

“Ficamos muito felizes em saber que mais 18 mil famílias estão sendo beneficiadas com o Auxilio Brasil, que é um programa de grande impacto social, que atende famílias em situação de pobreza e extrema pobreza, para dar a elas uma projeção de dignidade e transformação de vidas”, destacou.

De acordo com informações do Ministério da Cidadania, para serem habilitadas no programa Auxílio Brasil, as famílias devem atender aos critérios de elegibilidade, ter os dados atualizados no Cadastro Único nos últimos dois anos e não podem ter informações divergentes entre as declaradas no cadastro e as de outras bases do Governo Federal.

A seleção é feita de forma automática pelo governo federal, considerando a estimativa de pobreza, a quantidade de famílias atendidas em cada município e o limite orçamentário anual do Auxílio Brasil, por meio do Sistema de Benefícios ao Cidadão (Sibec).

Ao entrar no programa, as famílias recebem, pelos Correios, no endereço informado durante o cadastro, duas cartas encaminhadas pela Caixa Econômica Federal, sendo a primeira com orientações gerais sobre o Auxílio Brasil e a segunda com o cartão para movimentação bancária do benefício.

O cartão é gerado automaticamente para todas as famílias que ingressam no Auxílio Brasil, em nome do responsável familiar. Com o cartão, a pessoa pode fazer saques parciais ou no valor integral do benefício. Além disso, pelo aplicativo Caixa Tem, o beneficiário pode pagar contas, realizar transferências e consultar extratos, entre outros serviços.

A permanência no Auxílio Brasil depende, entre outras questões, do cumprimento de algumas condições que têm o objetivo de estimular as famílias a exercerem o direito de acesso às políticas públicas de assistência social, educação e saúde. Entre os critérios estão a frequência escolar mensal mínima de 60%, para crianças de quatro e cinco anos de idade, e de 75%, para as de seis a 21 anos, a observância do calendário nacional de vacinação instituído pelo Ministério da Saúde, o acompanhamento nutricional de crianças com até sete anos incompletos e o acompanhamento do pré-natal para as gestantes.

Informações sobre o benefício

Os beneficiários do programa podem fazer consultas sobre o pagamento dos benefícios através do aplicativo do programa Auxílio Brasil, além do telefone 121, que é um serviço gratuito e a ligação pode ser realizada por meio de um telefone fixo ou celular. O número 111 é o canal de Atendimento ao Cidadão da CAIXA e contém informações sobre o cartão e o saque do benefício.

Fonte: maceio.al.gov.br